???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://localhost:8080/tede/handle/tede/42
Tipo do documento: Dissertação
Título: Do silêncio à narrativa: a memória em Tropical Sol da Liberdade, de Ana Maria Machado
Título(s) alternativo(s): From silence to the narrative: memory in Tropical Sol da Liberdade, Ana Maria Machado
Autor: Oliveira, Maria Edna Silva Pereira
Primeiro orientador: Fernandes, Fabrício Flores
Resumo: O romance Tropical sol da liberdade (1988), da escritora brasileira Ana Maria Machado, representa período da ditadura militar. A memória das vítimas, no contexto ficcional, é tomada como base para o presente trabalho, que tem por objetivo analisar como a memória da ditadura é representada no romance. De forma mais específica, examina como a conjuntura de violência e autoritarismo do período ditatorial interfere no contexto de produção da literatura. Para tanto, utilizamos a abordagem de críticos literários como Silverman (2000) e Dalcastagné (1996), que marcam posição sobre a violência; e teóricos como Adorno (2003), que discute ideias em torno da modificação da forma, as quais envolvem o narrador e o leitor; e Antonio Candido (1967), que nos permite a compreensão dos elementos internos e externos à obra. Há também a necessidade de verificar como o testemunho das personagens acentua a memória na tentativa de preservá-la, tendo como suporte teórico Hutcheon (1991), que debate as fronteiras instáveis da história e da ficção; Ricoeur (2012), que entende o conceito de testemunho como possibilidade de preservação da memória, dentre outros; e, ainda, identificar como a memória em torno da ditadura militar é representada pelas personagens, dando ênfase à questão do exílio e à do não esquecimento. Recorremos a autores como Halbwachs (1990), Le Goff (2003) e Bosi (2004), que discutem o conceito de memória. No que diz respeito às questões sobre o exílio, as considerações de Said (2003) são estudadas; justapondo-se a Hall (2011), que trata da fragmentação do sujeito. Os resultados da pesquisa confirmam que, na obra, a preservação e o enfrentamento de memórias dolorosas relacionadas ao contexto da ditadura militar precisam ser assimilados pelo sujeito a fim de que se possa construir uma perspectiva positiva no tempo presente.
Abstract: The novel Tropical sol da liberdade (1988), written by the Brazilian writer Ana Maria Machado represents the period of military dictatorship. The victms‟ memory, in fictional context, is the base to the present work, whose tittle is Do silêncio à narrativa: a memória na obra Tropical sol da liberdade, de Ana Maria Machado, that has as objective as the memory of the Dictatorship is presented in the novel. In a specific way, the work has as objective tolook ove as the conjuncture of the violence and autoritarism from the Dictatorship period interfere in the context of literature production. For this reason, it‟s used the base of study of literary critics such as: Silverman (2000) and Dalcastagné (1996), that have position about violence; and theorist as Adorno (2003), who discusses ideas in the modification of the form, which involves the narrator and reader; and Antônio Cândido (1997), that permits the comprehension of the internal and external elements of the work. There is the necessity of verify as the witness of the characters mark the memory in the trial of preserve it, which has as theoretical support Hutche (1991), who discusses the unstable frontiers of the history and of the fiction; Ricoeur (2012), who understands the concept of witness as possibility of preservation of memory, among others; and, already, identify as the memory around Military Dictatorship is presented by the characters, given emphasis on the question of the exile and the no forgetfulness. Based on that, it was studied authors as Halbwachs (1990), Le Goff (2003) and Bosi (2004), who discuss the concept of memory. According to the questions about the exile, Said‟s considerations (2003) are studied; juxtaposing from Hall‟s ideas (2011), which talks about subject‟s fragmentation. The survey results confirm that, in the work, the preservation and the coping dolosoras memories related to the military dictatorship context need to be assimilated by the subject so that you can build a positive perspective in this time.
Palavras-chave: Narrativa
Memória
Ditadura Militar
Área(s) do CNPq: LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
LETRAS::LITERATURA BRASILEIRA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual do Piauí
Sigla da instituição: UESPI
Programa: Programa de Mestrado Acadêmico em Letras
Citação: OLIVEIRA, Maria Edna Silva Pereira. Do silêncio à narrativa: a memória em Tropical Sol da Liberdade, de Ana Maria Machado. 2014. 113 f. Dissertação (Programa de Mestrado Acadêmico em Letras) - Universidade Estadual do Piauí, Teresina, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/42
Data de defesa: 15-Jul-2014
Appears in Collections:Mestrado Acadêmico em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Completa1,18 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons