???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://localhost:8080/tede/handle/tede/198
Tipo do documento: Dissertação
Título: Da contação de história às memórias literárias: estratégias de letramento literário no ensino fundamental II
Autor: Sousa, Lucilene Costa Almeida de
Primeiro orientador: Brito, Stela Maria Viana Lima
Primeiro membro da banca: Brito, Stela Maria Viana Lima
Segundo membro da banca: Silva, Raimunda Celestina Mendes da
Terceiro membro da banca: Lopes, Maria Suely de Oliveira
Resumo: A leitura de textos literários em sala de aula é de fundamental importância para o desenvolvimento dos educandos como leitores reflexivos, sensíveis e autônomos, logo tornam se necessárias ações pedagógicas que promovam a literatura no contexto de ensino aprendizagem. Em razão disso, esta pesquisa tem como objetivo estabelecer a relação da contação de história como elemento motivador para a leitura das memórias literárias visando ao letramento literário. A justificativa fundamenta-se na ausência de um trabalho comprometido com a leitura literária em sala de aula o qual aborde a cultura do educando, com margem para a reflexão, a compreensão e a construção de sentido. Assim, os textos trabalhados nas atividades deste estudo são memórias literárias da obra “Memória Insistente”, do autor piauiense Joaquim Ribeiro Magalhães. O corpus desta pesquisa foi constituído em atividades mediadas por oficinas de contação de história, leitura e compreensão desenvolvidas em sala de aula com alunos do 8º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública municipal da cidade de Teresina-Piauí, onde se analisou a recepção das estratégias de leitura aplicadas. Com esse fim, a metodologia da pesquisa foi qualitativa de natureza descritiva. Os fundamentos teóricos provêm dos estudos de Zapone e Wielewicki (2005), Candido (2004) e Eagleton (2003) no que tange ao caráter literário; Cascudo (1978), Calvet (2011), Busato (2007), que relacionam a tradição oral e a contação de história; Le Goff (2003) e Bosi (1994), que teorizam sobre memórias; Costa (2009), que trata de memórias literárias; Proença Filho (2017), cujo enfoque está nas características do texto literário; Franco Jr. (2005), que aborda a elementos da narrativa literária, e ainda Cosson (2012), Dolz e Schneuwly (2004), Leffa (1999), Colomer (2007), Aguiar e Bordini (1993) e Gazzola e Bazoni (2015) que explicam o letramento e a formação leitora. As análises mostram que as leituras trabalhadas por meio da contação de histórias e a leitura de memórias literárias aguçam o imaginário e desenvolvem a reflexão, uma vez que possibilitam a interação do aluno com o texto literário. Os resultados deste estudo culminaram com uma proposta de intervenção.
Abstract: The reading of literary texts in the classroom is of fundamental importance for the development of the students as reflective, sensitive and autonomous readers, therefore, pedagogical actions that promote the literature in the teaching - learning context becomes necessary. As a result, this research aims to establish the relation of storytelling as a motivating element for the reading of literary memories aiming at literary literacy. The justification is based on the absence of a work committed to literary reading in the classroom which addresses the culture of the student, with opportunity for reflection, understanding and construction of meaning. Thus, the texts worked in the activities of this study are literary memories of the work “Memória Insistente”, of the piauiense author Joaquim Ribeiro Magalhães. The corpus of this research was constituted in activities mediated by storytelling, reading and comprehension workshops developed in the classroom with 8th grade students from a municipal public school in the city of Teresina-Piauí, where it was analyzed the reception of the reading strategies applied. To this end, the research methodology was qualitative of a descriptive nature. The theoretical foundations come from the studies of Zapone and Wielewicki (2005), Candido (2004) and Eagleton (2003) regarding the literary character; Cascudo (1978), Calvet (2011), Busato (2007), which relate oral tradition and storytelling; Le Goff (2003) and Bosi (1994), who theorize about memories; Costa (2009), which deals with literary memories; Proença Filho (2017), whose focus is on the characteristics of the literary text; Franco Jr. (2005), which address the elements of literary narrative, and Cosson (2012), Dolz and Schneuwly (2004), Leffa (1999), Colomer (2007), Aguiar and Bordini (1993) and Gazzola e Bazoni 2015) that explain literacy and reading education. The analyzes show that the readings worked through the storytelling and the reading of literary memories excite the imaginary and develop the reflection, since they allow the student's interaction with the literary text. The results of this study culminated in a proposal for intervention.
Palavras-chave: Contação de História
Memórias Literárias
Leitura
Letramento Literário
Área(s) do CNPq: LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual do Piauí
Sigla da instituição: UESPI
Programa: Programa de Mestrado Profissional em Letras
Citação: SOUSA, Lucilene Costa Almeida de. Da contação de história às memórias literárias: estratégias de letramento literário no ensino fundamental II. 2019. 156 f. Dissertação (Programa de Mestrado Profissional em Letras) - Universidade Estadual do Piauí, Teresina, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/198
Data de defesa: 19-Feb-2019
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Completa1,89 MBAdobe PDFDownload/Open Preview
Termo de Publicação1,08 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons